O que é marketing Digital?

O que é Marketing Digital?

Marketing Digital é o conjunto de estratégias voltadadas para o ambinete digital, com o objetivo de promover uma marca, produto ou serviço na internet.

O Marketing Digital hoje, é uma das ferramentas mais usadas do marketing e da publicidade. Tem como principal objetivo aumentar e potencializar a comunicação de uma empresa, seja ela de produtos e ou serviços, utilizando meios como redes sociais, sites, publicidade paga em mecanismos de busca, e-mails marketing, SMS e outros meios que envolvem a tecnologia.

Então, vamos entender realmente o que é marketing digital? Estamos em um mundo que muda constantemente e rapidamente, a informação é transmitida quase que instantaneamente para o mundo inteiro. Com o crescimento e a mudança constante, o modo como as pessoas consomem produtos, serviços e se relacionam socialmente também mudam. Então nós temos que adaptar nossas marcas a este novo conceito para atingir nossos objetivos.

Nos EUA, na era de ouro da publicidade, entre a década de 50 e 60, eram as marcas que ditavam o comportamento das pessoas. Anúncios na TV, pessoas importantes usando o produto, e o que você usava e fazia ditavam em que grupo social iria pertencer.

Ainda existem muitos resquícios desta época, mas hoje existe uma comunicação entre o emissor (As marcas) e o receptor (consumidor). Esta comunicação passou a ser unilateral e marcas passaram a criar produtos para suprir uma necessidade do consumidor.

O que é marketing?

De acordo com o professor Jerome McCarthyo, uma ideia bem difundida pelo PAI no Marketing, Philip Kotler. Podemos definir que o marketing se baseia no fundamento dos 4Ps ou Marketing Mix. Preço, praça, produto e promoção. Literalmente, são esses 4 pontos que vão diretamente influenciar o consumidor a comprar ou não o produto ou serviço. Vou explicar de forma rápida aqui o são os 4ps.

Preço, não está ligado somente em o quanto vai custar o seu produto, mas também na percepção de valor dele. Exemplo a Apple que tem produtos muito mais caros, mas a construção de marca justifica esse valor, e na percepção da maior parte das pessoas é que um Iphone é bom, por isso ele é mais caro. Dentro do conceito dos 4Ps, é a estratégia traçada para o posicionamento e a proposta de valor ofertada pelo produto.

Praça, nada mais é que os meios por onde você vai comercializar seus produtos seja de forma física, com seu ponto comercial onde vai envolver, localização, fachada, disposição dos produtos, layout da loja e muitos outros ou até mesmo de forma online, com um e-commerce, um serviço online, pelo Facebook shopping ou Instagram, a forma como navega no seu site ou catálogo, como as pessoas veem seus produtos e como você os apresenta.

Produto, está ligado literalmente com o que você vende, forma, design, embalagem, garantia, qualidade, assistência técnica. Este item está ligado diretamente em como o consumidor irá consumir o seu produto.

Por último Promoção, é aqui que entra a comunicação da sua empresa, desde a construção da identidade visual passando por tom de voz da marca e as promoções que a marca vai realizar para atrair mais clientes.

Agora que já sabemos o conceito básico do marketing, o que é marketing digital? O marketing digital são estratégias de divulgação e posicionamento de marca dentro dos meios digitais citados no começo deste artigo.

Dentro da publicidade tudo aquilo onde podemos estampar nossa marca para atrair mais clientes chamamos de mídia. Como o jornal e a televisão. E no meio digital não é diferente. E temos várias mídias diferentes, e vou mostrar quais são e como são usadas. O importante no marketing digital não é você estar em todas essas mídias, mas sim nas que seu público está. Então antes de começar a criar, site, e-mail, Facebook e outras, faça uma análise do seu público alvo. Existem algumas desta mídias que são mais conhecidas e outras nem tanto assim. Mas vamos começar.

Mídias sociais digitais. Provavelmente você está usando ela, muito provável que chegou aqui por uma. As Mídias sociais nada mais são do que as redes sociais como, facebook, linkedin, instagram entre muitas outras. Dentre a maioria delas, senão todas existem formas de sua marca estar lá, seja tendo um perfil ou página da sua marca, para interagir e criar conteúdo, ou fazendo de forma paga, que chamamos de ads.

Facebook:

A muito tempo no mercado o facebook ao contrário do que pensam é a ainda a maior rede social do mundo somando mais de 2,7 bilhões de usuários. O mais importante no facebook para você neste momento é entender que existe uma diferença entre Página (Para empresas ou marcas) e perfil (Para uma pessoa). Saiba mais como usar o facebook para sua empresa.

Instagram:

O Instagram hoje conta com mais de 1,15 bilhão de usuários, foi uma das primeiras redes sociais exclusivas para o acesso via smartphone. Esta é uma rede social bem prática e pode ser usada de várias formas, por ter vários formatos para a criação de conteúdo, desde um simples post no feed até o mais novo recurso o Reels. Separei algumas dicas extra para você aqui.

Youtube:

Além de ser considerado uma rede social, o Youtube é o segundo maior buscador do mundo, perdendo somente para o Google.

Existe também muitas possibilidades de sua marca criar conteúdo para o Youtube. Está mídia é bem trabalhosa mas os resultados valem apena. Temos algumas dicas de como começar no youtube.

Linkedin:

No Brasil ainda estamos engatinhando e aprendendo o todo potencial que esta rede tem. E não, ela não é só para você procurar emprego. O potencial desta ferramenta é gigante para você e para sua marca. Um ótimo lugar para criar relacionamento e melhorar seu network. Além do grande potencial que ela tem em anúncio. Essa ferramenta além de ter uma ótima segmentação de público para quem trabalha no B2B é excelente pois seu cliente esta usando ela no momento certo.

TIKTOK:

O pequeno gigante das Redes Sociais, por ser uma ferramenta nova, ainda se tem pouco de como usar ela em sua empresa. Mas vale tentar, pois existe pouca concorrência e muita gente criando tendência em seu mercado pela ferramenta! Ela ainda conta com a parte de anúncios. Recém lançado. Muito bom pois no início o custo para anúncio ainda esta baixo.

Mas o marketing digital não é só redes sociais. Temos ainda muitas ferramentas, como por exemplo o o seu site.

Sim o seu site é uma mídia digital. E nos últimos meses vem ganhando destaque principalmente por causa da Lei geral de proteção de dados conhecida como LGPD, que vai afetar diretamente seu site. Mas ter um site não é somente ter uma página onde colocamos o que fazemos e pronto, ele vai muito além disso. Podemos dizer que a importância que você da para o seu site é a mesma que você da para sua casa, seu site é seu “lar” na mídia digital, você é totalmente responsável e não precisa depender de nenhuma outra mídia digital.

No que devemos nos preocupar na hora de criar um site?

Um site é composto por vários itens que vão influenciar diretamente no desempenho dele e como ele capta novos clientes. Segurança: esse é o primeiro ponto, todos os sites tem níveis de segurança que vão proteger o usuário de possíveis ataques.

O primeiro e principal é o SSL (Secure Sockets Layer) ou TLS (Transport Layer Security), site que tem essa segurança aparecem como HTTPS:// na frente de seu domínio. Além de este ser um dos requisitos básicos para que seu site apareça no Google.

Usabilidade: Um ponto muito importante e que muita gente deixa de se preocupar com um site é a usabilidade dele. É literalmente em como o cliente encontra as informações e interagem com o seu site. Este ponto afeta em se seu cliente fica ou não em uma página. E novamente este é mais um ponto para que seu site seja melhor ranqueado no Google.

Responsividade: Hoje maior parte do acesso a internet no mundo é feito pelo smartphone. E seu site tem se comportar de forma diferente no seu desktop para o celular. Sites que não se adaptam a modelos mobile tem maiores chances de não aparecerem no google.

Velocidade: Estudos mostram que sites que passaram a carregar de forma mais rápida tiveram um aumento em visitas, permanência e até mesmo em conversões. E este item o Google também leva em consideração.

LGPD: Já falei dele anteriormente. Em breve, sites que não estão adequados as novas normas da LGPD começaram a sofrer com isso.

SEO: O famoso SEO, nada mais é do que tudo isso que falei e mais um pouco de técnicas para fazer com que seu site tenha um melhor desempenho em mecanismos de busca, como o Google.

Mas não existe só um formato de site. E agora vou listar alguns dos formatos mais usados.

Site institucional: Ele consiste em mostrar a marca e ou a empresa, sua história seus produtos ou serviços e sua interação fica em um formulário de contato.

Landing Page: Uma página com o objetivo de fazer com que o usuário faça uma ação, seja ela baixar algo ou colocar seu contato e até mesmo comprar seu produto. Mas essa é uma página com um foco exclusivo em um produto ou um serviço.

E-commerce: Também conhecido como loja virtual. Ele tem como objetivo mostrar e realizar uma venda totalmente online. Um ecommerce tem uma lista de produtos seja ele físico ou digital e o cliente pode realizar a compra ali mesmo dentro do seu site.

Blog: O blog é como esta página que você esta neste momento. Ele tem como objetivo criar conteúdos relevantes sobre seu nicho de mercado, trazendo credibilidade e autoridade para a marca, além de ser a melhor forma de ser ranqueado no google de forma orgânica.

O marketing digital tem muita coisa mesmo, e não paramos ainda, pois nem falamos sobre os E-mails marketing. E esse é um item bem delicado e vou explicar tudo para você agora!

O que é E-mail mkt?

É uma das estratégias do marketing digital e esta ligada em enviar e-mails para seus clientes com vários objetivos, mas o principal é fazer com que ele não se esqueça de você. A principal preocupação que devemos ter com o e-mail marketing é que não se pode somente pegar uma lista de e-mails que você tem ai salva e sair disparando pelo seu gmail ou outlook, existem vários problemas em fazer isso. Existem ferramentas próprias para isso, como a RD station, uma das principais no país. Ela é uma ferramenta que vai muito além de ó enviar e-mail. Ela está ligada diretamente a automação de marketing do seu negócio.

E agora não poderia deixar de falar nele o Google. O Google está ligado a uma categoria de buscadores online. Existem outros como Yahoo, Bing, Ask e muitos outros. Mas o maior e mais usado hoje é o Google. E para anunciar no google você faz isso pelo google ads. Basicamente você entra em um leilão para aparecer em primeiro nas páginas do google comprando palavras chaves. Quer saber mais como isso funciona?

Em nossas estratégias de marketing digital podemos usar de muitas outra ferramentas como o SMS e até mesmo o whatsApp ou telegram. E cada uma tem suas peculiaridades e formas de se usar para o seu negócio.

Se você acha que falta alguma ferramenta ou gostaria de saber mais afundo sobre alguma específica, deixe nos comentários.

O importante é ir uma coisa por vez, pois você é um só. Desenhe um plano e coloque em prática, os resultados não são de um dia para o outro, e na internet podemos testar, teste sempre que puder.

Lembre-se você pode ter um profissional para cuidar disso de uma forma onde o resultado venha mais rápido.

Entre em contato com a P3,A e ajudamos a sua empresa a surfar neste mar digital!

Posts relacionados